O Blog de Luis Silva

 

                       Membro da Sociedade Portuguesa de Blogs

Mantorras resolve! Daqui a duas jornadas já podemos dizer "HABEMUS CAMPEONATO"

cineblog .

2004-11-10

 

Jantar de S. Martinho ao som de musica ao vivo


na imagem: S. Martinho


Esta vai ser a ementa do nosso jantar de bloguers.

Ementa de S. Martinho:


Entradas: enchidos/azeitonas e pão de centeio.
Sopa: caldo verde
Prato quente: carne de porco assada c/castanhas
buffet de doces
Digestivos: café;aguardente de zimbro e jeropiga
magusto serrano c/SARAU MUSICAL

Lenda de S. Martinho!!!

O soldado Martinho e o seu manto
De acordo com a lenda num certo dia frio e chuvoso de Outono, em Amiens, França, o soldado Martinho percorria a cavalo um determinado caminho. Numa das voltas do trajecto dá com um mendigo a pedir. Apiedando-se do homem, Martinho não tendo mais nada que oferecer pega na sua espada e corta em dois o seu manto, estendendo uma das metades ao pobre, para que se protegesse do frio. Quase de imediato, cessou a chuva, começando a brilhar o Sol e ficando um inexplicável clima de Verão. Este acto de solidariedade, bem como a morte de Martinho ocorreram no mês das brumas (Novembro), período anual do vinho novo e das castanhas, ao qual ficou para sempre associado.
A vida de São Martinho
São Martinho, também conhecido por S. Martinho de Tours, cidade onde foi bispo, nasceu em Panónia, na Hungria, em 316 ou 317. Filho de um oficial romano, fez estudos humanísticos em Pavia. Iniciou depois a carreira das armas, mas manifestou desde cedo o desejo de ser monge. No entanto, serviu na guarda imperial até aos 40 anos, idade em que abandonou a vida castrense, tendo ido ao encontro de Santo Hilário, bispo de Poitiers, que lhe conferiu ordens sacras e lhe deu a oportunidade de entrar na vida religiosa. A sua intensa actividade pastoral valeu-lhe o epíteto de Apóstolo das Gálias. Já bispo de Tours, vivia como um monge, fora da cidade, num local modesto, mais tarde transformado num mosteiro. Terá morrido em Candes (França), em 11 de Novembro de 397.
ditos populares
"Dia de São Martinho, lume, castanhas e vinho"
"Pelo São Martinho, prova o teu vinho, ao cabo de um ano já não te faz dano"
"Pelo São Martinho mata o teu porco e bebe o teu vinho"
"Pelo São Martinho semeia favas e linho"
"No dia de São Martinho fura o teu pipinho"
"O Verão de São Martinho é bom mas é curtinho"
"No dia de São Martinho vai-se à adega e prova-se o vinho"
"No dia de São Martinho bebe o vinho e deixa a água para o moinho"

# posted by Luis Silva @ 6:19 da tarde


<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?